Atenção Primária

31º Fórum Permanente Estadual da Atenção Primária à Saúde

educação perm

Conselheira estadual Mara Dalila (primeira da esuqerda para direita)

Via Conass:

Os desafios para o fortalecimento da Atenção Primária à Saúde no estado do Rio de Janeiro frente ao novo modelo de financiamento federal estiveram em pauta nesta quarta-feira, 22 de janeiro, durante o 31º Fórum Permanente de Atenção Primária à Saúde. Com o tema “Novas Regras do Financiamento da Atenção Primária à Saúde”, o evento também foi oportunidade para debater os avanços alcançados com a implantação do Programa Estadual de Financiamento da Atenção Primária à Saúde (PREFAPS).

Promovido pela Superintendência de Atenção Primária da Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro (SES-RJ), em parceria com o Conselho de Secretarias Municipais de Saúde do Rio de Janeiro (Cosems RJ), o evento reuniu mais de 300 gestores da SES-RJ e dos municípios fluminenses, além de representantes do Conselho Estadual de Saúde do Rio de Janeiro (CES-RJ), membros do Cosems RJ, professores e alunos de universidades e coordenadores dos programas de residência em Saúde da Família.

Participaram da mesa de abertura o subsecretário geral da SES-RJ, Roberto Pozzan; a superintendente de Atenção Primária à Saúde da SES-RJ, Thaís Severino; a presidente do Cosems RJ, Maria da Conceição de Souza Rocha; e o representante do CES-RJ, Márcio Berman.

conass

Roberto Pozzan, Thaís Severino e Márcio Berman

Em seguida, foram ministradas palestras sobre sobre financiamento estadual e federal da Atenção Primária à Saúde, estratégias de apoio estadual aos municípios e novas portarias ministeriais para a Atenção Primária à Saúde. “A Atenção Primária é a base de todo o sistema de saúde, por isso a SES-RJ vem trabalhando com total comprometimento para fortalecê-la, por exemplo, por meio do PREFAPS. Ainda é preciso agregar mais profissionais a esse trabalho e levantar questionamentos”, afirmou Pozzan. Berman salientou a importância da valorização do profissional de saúde e enfatizou que “esse é o momento de não poupar esforços para concretizar ações de cofinanciamentos para a Atenção Primária à Saúde”. A presidente do Cosems RJ destacou as dificuldades dos gestores em relação aos indicadores para os recursos em saúde: “Precisamos nos organizar para nos fortalecermos juntos. Para isso, o exercício é fundamental”, ponderou.

“Este fórum é uma iniciativa importante para criar um movimento para apoio e fortalecimento de ações que gerem impacto positivo direto para a melhoria da qualidade da saúde da população fluminense”, concluiu a superintendente de Atenção Primária à Saúde da SES-RJ, Thaís Severino.

Fonte: SES/RJ

Categorias:Atenção Primária

1 resposta »

  1. Parabéns !!! Zenilda E Sellan, lindo trabalho a sua equipe está desenvolvendo.
    “O amor ao próximo não conhece fronteiras ideológicas ou religiosas.”

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s