Notícias em Saúde

Secretaria de Saúde do RJ faz 100º transporte de órgão para transplante em 2019

1789_helicoptero-1

Meta é ampliar procedimentos no estado. Em 2017, foram realizados 642 transplantes de órgãos. Em 2019, foram feitos 378 operações até junho.

No G1:

Secretaria de Saúde do RJ faz transporte do 100º órgão para transplante em 2019

O estado do Rio de Janeiro realizou na tarde deste sábado (20) o centésimo transporte de órgão para transplante feito por helicóptero. O Programa Estadual de Transplantes (PET) do Rio de Janeiro atingiu a média de um órgão para transplante em voos a cada dois dias.

Nesse tipo de cirurgia, segundo a secretaria, cada minuto faz diferença para que o órgão seja levado do doador para o receptor. Em 2017, foram realizados 62 transportes de aeronaves e em 2018 foram 105 ao longo do ano inteiro.

Ampliação e metas

A ação faz parte do projeto que pretende ampliar o número de transplantes de órgãos realizados em 2019, foram 378 até junho deste ano.

Em 2017, foram realizados 642 transplantes de órgãos sólidos, como coração, fígado, osso e rim. Em 2018, foram 723 procedimentos ao longo do ano inteiro. Caso os índices continuem, a Secretaria Estadual de Saúde (SES) irá ter seu maior registro de transplantes nos últimos três anos.

Além do Grupamento de Operações Aéreas do Corpo de Bombeiros Militar do Rio, o Batalhão de Choque da Polícia Militar também apoia os procedimentos do PET.

O programa realiza captação e transplante de coração, fígado, rim, medula óssea, osso, pele, córnea e esclera (membrana que protege o globo ocular).

A secretaria de Saúde informou que dúvidas sobre a doação de órgãos podem ser esclarecidas através do telefone 155.

Em nota, o comandante-geral do Corpo de Bombeiros, coronel Roberto Robadey, informou que desde 2016, quando o órgão começou a parceria com o PET, cresceu em mais de 500% o número de órgãos transportados por helicópteros operados pela corporação. Em 2016, foram 17; em 2017, 64; e em 2018, 105. “Este ano, até este domingo, já foram 103 órgãos transportados— quase a mesma marca de todo ano passado. É uma honra para o Corpo de Bombeiros do Rio auxiliar este projeto”, disse o oficial.

Categorias:Notícias em Saúde

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s