Conferências

A contribuição da juventude para a defesa do SUS na 1ª Conferência Nacional Livre de Juventude e Saúde

 

juv4

Fortalecer os mecanismos de transparência de repasses de recursos financeiros do Sistema Único de Saúde para o setor privado e resgatar a valorização do SUS pelos profissionais de saúde estão entre as propostas aprovadas na 1ª Conferência Nacional Livre de Juventude e Saúde (CNLJS), neste domingo (18/11), em Brasília.

O evento, organizado pelo Conselho Nacional de Saúde (CNS), reuniu 400 jovens de todos as regiões brasileiras, de 18 a 29 anos, na Universidade de Brasília (UNB), entre os dias 16 e 18 de novembro.

O relatório final da 1ª CNLJS inclui propostas pela retomada da agenda de prioridades para o desenvolvimento de pesquisas no SUS, o fortalecimento de projetos que discutam o uso racional de agrotóxicos e estratégias para aumentar a participação da juventude nos conselhos de saúde.

Alcançar a população jovem que não estuda e não trabalha (geração nem-nem), para participar de debates sobre saúde pública e lutar contra a reforma trabalhista, que afeta milhares de jovens que estão no mercado de trabalho, também estão entre as propostas aprovadas na conferência nacional.

Além das apresentações e mesas temáticas da 1ª CNLJS em defesa dos direitos humanos, da democracia e do Sistema Único de Saúde (SUS), as lideranças participaram de quinze rodas de conversa que abordaram temas sobre agrotóxicos, medicalização, machismo, LGBTfobia, racismo, entre outros.

“Essa conferência foi uma marca para o momento histórico que vivemos. Todos esses jovens serão agora multiplicadores no processo de defesa do SUS, da vida e da construção da saúde pública que a gente tanto deseja para o povo brasileiro. Estamos finalizando os trabalhos com muita satisfação”, avalia o conselheiro nacional de saúde Douglas Pereira, que compõe a Direção Executiva Nacional dos Estudantes de Medicina (Denem) e coordenou a 1ª CNLJS.

O relatório final com as contribuições e o olhar da juventude para o SUS e para o controle social brasileiro estará disponível em breve, no site do CNS. O documento será apresentado nas etapas preparatórias para a 16ª Conferência Nacional de Saúde (8ª+8), que será realizada de 4 a 7 de agosto de 2019, em Brasília.

#PraCegoVer: a imagem de capa apresenta o grupo de jovens que participou da conferência nacional posando em grupo no palco do auditório, com bandeiras e as mãos para o alto.

Fonte: Conselho Nacional de Saúde

Via #susconecta

Categorias:Conferências

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s